sexta-feira, 29 de julho de 2016

Como fazer as próprias sobrancelhas

Antes de começar a tirar a própria sobrancelha, é recomendado procurar um especialista, principalmente se essa for a sua primeira vez. O designer poderá, assim, analisar qual é o melhor e mais harmônico desenho para o seu rosto. A partir desse primeiro passo, fazer a manutenção dos seus fios se torna um procedimento menos perigoso!

Para se ter mais segurança ao remover os fios crescidos, é interessante utilizar um lápis de olhos (branco ou marrom) para fazer marcações na sobrancelha, de modo que os pelos que devem ser retirados fiquem fora de um contorno. É importante lembrar que, nesta área, falhas podem ser irreversíveis e um único pelo a menos já pode fazer toda a diferença. Por isso, em caso de dúvida, é melhor não arriscar!

As sobrancelhas simétricas são capazes de dar um ar mais leve para o rosto, levantando o olhar e deixando uma aparência menos cansada. Para tanto, é necessário que o contorno seja feito com o auxílio de um paquímetro ou uma régua e um lápis. Inicialmente, o processo pode parecer trabalhoso demais, mas nada que um pouco de prática não facilite.

Abaixo, você pode conferir um passo a passo básico de como fazer as marcações essenciais para não se perder na hora de fazer a manutenção das sobrancelhas e deixá-las mais simétricas:

- Marque o centro do arco do cupido (o “v” formado na parte superior do lábio);
Seguindo a mesma linha, marque a ponta do nariz, que é considerado o ponto mais alto do rosto;

- Com o lápis ou a régua sobre o início de cada narina, encontre o início da sobrancelha e o espaço que deve ser mantido sem pelos na ponte do nariz;

- No ponto alto do rosto, cruze o lápis ou a régua em direção ao canto mais externo de cada íris. Certifique-se de que o traço seja feito de modo que fique para dentro da íris, e não seja externo a ela;

- Posicione o lápis ou a régua nas laterais do nariz e direcione para o canto externo de cada olho. Essa nova marcação mostra onde a sobrancelha simétrica deve terminar, porém pode acontecer dos seus fios não chegarem até essa indicação; neste caso, é possível fazer uma correção com algumas técnicas de preenchimento;

- Utilize a régua para medir a linha de subida e de descida de cada sobrancelha. No formato simétrico, o resultado é precisamente equivalente. Se esse não for o seu caso, é possível alinhá-las pela remoção de pelos excedentes; contudo, é claro que esse procedimento só deve ser realizado se você tiver muita segurança e cautela.

- Depois dessa limpeza, é opcional cortar os pelos mais compridos. Para tanto, é preciso pentear as sobrancelhas par cima, deixando-as arrepiadas, e usar uma tesoura de corte reto para eliminar apenas o que passa dos limites do contorno. O corte exagerado pode deixar as sobrancelhas com menos preenchimento e, em alguns casos, com falhas.

Para aquelas pessoas que desejam mexer no desenho das sobrancelhas, a técnica deve ser a das linhas paralelas, ou seja, pela união de traços da subida e da descida, nada de curvas nem linhas a mais!

O vídeo abaixo é bastante ilustrativo quanto ao procedimento detalhado para se obter sobrancelhas simétricas e harmônicas. Se você já tiver alguma familiaridade com pinças e tesouras, a manutenção ocorrerá sem muitas complicações, mas, de todo modo, é importante ter cautela e não remover pelo nenhum em caso de dúvida.


Atenção e cuidados necessários

O principal segredo para cuidar das sobrancelhas em casa é nunca mexer em seu desenho e retirar apenas os pelos em excesso, que ficam próximos ao contorno. Essa recomendação se explica por todos os detalhes aos quais os profissionais devem se ater e que podem passar despercebidos pelos olhos menos treinados.

A distância entre o início e o final da sobrancelha, bem como seu ponto de arqueamento, devem ser mantidos em proporção. Essas marcações são responsáveis por criar um equilíbrio estético no rosto, além de reforçarem alguns traços de expressão; por exemplo, o arqueamento pode ser controlado, para leve ou mais pronunciado, quanto mais arqueado, mais sensual fica o olhar, pois eleva esta região.

Além desses cuidados mais práticos, cabe lembrar que a remoção de pelos dessa área deve ser feita somente com a utilização de pinças e nunca com ceras, tipo de material e procedimento que aumenta o risco de flacidez nas pálpebras, pode causar alergias e lesões por conta da maior sensibilidade da pele nessa região.

Para os momentos em que a manutenção não basta e o retoque do desenho é necessário, recomenda-se que o trabalho seja feito por um profissional qualificado. Se você ainda não tem um designer de sobrancelhas de confiança, o caminho para encontrá-lo é sempre procurando por referências de trabalhos que lhe agradem: pedir recomendações a colegas e conversar sobre o serviço com o próprio especialista pode te ajudar a tirar dúvidas e criar segurança para realizar o procedimento.

Uma observação que deve ser feita tanto a quem vai cuidar das sobrancelhas em casa quanto àquelas pessoas que preferirem confiá-las a alguém é que todos os materiais sejam higienizados previamente.

Fonte: http://migre.me/urmY1

Nenhum comentário:

Postar um comentário