quarta-feira, 13 de março de 2013

Colorimetria Nível 1

A colorimetria é a ciência que estuda as cores e se torna capilar quando o assunto são os cabelos, com suas combinações de cores, composições de cores, neutralizações de cores e contrastes. A colorimetria capilar é um dos conhecimentos mais utilizados pelos cabeleireiros e aprender a domina-lo com sabedoria é de extrema utilidade para quem está começando na profissão.

No artigo de hoje falaremos u...m pouco sobre colorimetria capilar, quais são as cores primárias, secundárias, terciárias, quentes, neutras, frias, como utilizar a estrela de Oswald, alturas de tons, etc.

Colorimetria capilar- as cores primárias

As cores primarias ou também denominadas fundamentais, são o azul, vermelho e amarelo. São as cores primarias que dão origem as demais. A soma destas três cores é o marrom.

Colorimetria capilar- as cores secundárias

As cores secundárias, ou também denominadas complementares são o resultado da mistura das cores primárias, mas em proporções iguais, são elas o verde, o alaranjado e o roxo. Estas três cores são resultantes das seguintes misturas:

Azul + amarelo = verde

Vermelho + azul = roxo

Amarelo + vermelho =alaranjado

Colorimetria capilar- as cores terciárias

As cores terciárias são originadas da mistura de cores, sejam elas secundarias ou primárias, e em proporções variadas.

Colorimetria capilar- cores quentes

As cores também são classificadas conforme a vibração. As cores quentes são as com base no vermelho, laranja e amarelo, e reflexos róseo, acaju, dourado, vermelho, acobreado. São cores que quanto utilizadas nos dão a impressão de expandir as formas, e também aproximar.

Colorimetria capilar- cores frias

São as cores com base no azul, verde, violeta e cinza. São cores que quando utilizadas nos passam a impressão de reduzir e distanciar as formas.

Colorimetria capilar- cores neutras

Geralmente utilizadas para produzir fundos, porque são pouco visíveis e vibrantes, estas cores são o resultado da mistura dos tons frios e dos tons quentes.

Colorimetria Capilar- altura de tom

A altura de tom dos cabelos está descrita em uma tabela universal de cores, que classifica o cabelo conforme o seu tom, seja ele natural ou artificial.

A tabela contem nove tons, que são claros, escuros e médios. A altura de tom na caixa de tinta é indicada pelo primeiro número impresso na caixa, como 6 por exemplo que indica que a tintura é loiro escuro. Confira os números correspondentes a altura de tom:

altura de tom 1 corresponde ao preto

altura de tom 2 corresponde ao castanho escuríssimo

altura de tom 3 corresponde ao castanho escuro

altura de tom 4 corresponde ao castanho

altura de tom 5 corresponde ao castanho claro

altura de tom 6 corresponde ao loiro escuro

altura de tom 7 corresponde ao loiro médio

altura de tom 8 corresponde ao loiro claro

altura de tom 9 corresponde ao loiro muito claro

Colorimetria capilar- cores reflexo

Além da altura de tom os cabelos ainda poderão ter uma cor reflexo. Nas caixas de tinta estas cores reflexo são identificadas pelo número que vem depois da altura de tom, após a vírgula ou ponto. Ex: 6.1 corresponde ao loiro escuro acinzentado- onde loiro escuro é altura de tom e o acinzentado a cor reflexo. Para as cores reflexo também existe uma tabela, padronizada, confira:

A cor reflexo cinza corresponde a numeração 1 após a vírgula ou ponto

A cor reflexo irisado corresponde a numeração 2 após a vírgula ou ponto

A cor reflexo dourado corresponde a numeração 3 após a vírgula ou ponto

A cor reflexo acobreado corresponde a numeração 4 após a vírgula ou ponto

A cor reflexo acaju corresponde a numeração 5 após a vírgula ou ponto

A cor reflexo vermelho corresponde a numeração 6 após a vírgula ou ponto
A cor reflexo esverdeado ou mate corresponde a numeração 7 após a vírgula ou ponto

Colorimetria capilar- neutralização de cores

Este é um procedimento que gera muitas dúvidas entre os profissionais, consiste em anular uma cor, trazendo para o tom neutro (marrom), utilizando outra ou outras cores. Para que o cabeleireiro se oriente, quanto as cores que anulam umas as outras, existe a tabela de Oswald para consultar, esta poderá até ser encontrada em catálogos de tinta que informam direitinho as nuances que neutralizam umas as outras.

Colorimetria capilar- Estrela de Oswald

Colorimetria capilar- dicas

A prática e experiência do cabeleireiro são muito importantes nestes processos pois estes sabem perfeitamente que nuance e em que quantidade, ou intensidade, se deve utilizar para alcançar uma cor que para neutralizar outra.

Dica legal para quem está começando no ramo é fazer tais misturas de cores utilizando tinta guache, e ainda, antes de partir com seus conhecimentos para os cabelos de alguém, fazer as neutralizações de cores, com tintura apropriada, em mechas descartadas pelas clientes, que sobram de cortes que você executou, dá para brincar muito com as cores. Para praticar e aprender sobre a intensidade das cores, que você deverá aplicar nas madeixas, adquira as tinturas mix, mixtons, estas são os pigmentos puros de tinta de cabelo nas cores violeta, amarelo, azul, verde, vermelho, alaranjado, vá acrescentando á tinturas de cor base (somente altura de tom, sem reflexo) para fazer os experimentos.

by Silvia Martins

Hair Styling

Um comentário:

  1. Saiba mais sobre colorimetria aqui http://melhoresdicas.16mb.com/colorimetria-avancada-by-alejandro-valente/ e aqui http://bit.ly/1WQrJ5h Parabéns pelo prpfissionalismo e vlw gente

    ResponderExcluir