quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Como lavar bem os cabelos

Veja o passo a passo da maneira correta de aproveitar bem o momento de lavar os cabelos

como lavar bem os cabelos1 Como lavar bem os cabelos
Os diversos cuidados tomados pelas mulheres para deixar os cabelos bonitos nem sempre tem o efeito desejado por causa de um simples fator: a lavagem dos cabelos. A forma com que você lava seus cabelos influencia não só na beleza dos fios como também na saúde do seu cabelo.
Em vista disso, selecionamos dicas para você tirar o máximo proveito da hora do banho para lavar seus cabelos de forma a deixá-los mais macios e evitar o ressecamento.

Passo a passo de como lavar o cabelo

  1. Ao começar a lavar o cabelo use água morna, mas não extremamente quente, para que os poros se abram e facilite a remoção das impurezas;
  2. Em seguida, coloque um pouco de xampu na palma da mão e aplique na raiz massageando suavemente da raiz até as pontas, sem força;
  3. Cabelos compridos ou muito cheios podem ser separados na metade para garantir a limpeza total dos fios;
  4. Lave o cabelo duas vezes somente se considerar necessário, ou substitua a lavagem dupla pela lavagem com xampu anti-resíduos;
  5. Após a aplicação do xampu, retire o produto com bastante água, auxiliando com os dedos delicadamente para não quebrar ou arrancar fios;
  6. O próximo passo é a aplicação do condicionador. O condicionador deve ser passado e massageado apenas nas pontas;
  7. Deixe o cabelo hidratar por alguns minutos e enxágue para remover todo o condicionador. Deixar o produto no cabelo faz com que ele fique excessivamente úmido, podendo criar caspas e deixar o cabelo com aspecto murcho;
  8. No momento do enxágue use água fria para fechar bem as escamas e o cabelo ficar com um aspecto bonito e saudável.
Após a lavagem, desembarace os fios cuidadosamente com um pente de cerdas largas. Em seguida, seque o cabelo pressionando levemente os fios com uma toalha bem macia. Evite torcer ou espremer os cabelos. Tenha paciência e seque cuidadosamente os fios.
Mesmo se você for usar o secador você deve secá-lo bem com a toalha antes. Cabelos úmidos ficam muito elásticos e se quebram facilmente ao passar a escova e a chapinha.
Depois disso é só passar um leave-in para que ele fique hidratado e protegido e arrumá-lo como quiser.
By Silvia Martins
Hairstyling

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Mechas 3D

Conheça a nova técnica de mechas que dá efeito tridimensional e ilumina os fios com três tons diferentes




Parece que a moda 3D está tomando conta de tudo, até mesmo dos produtos e técnicas de beleza. Oefeito tridimensional visto em maquiagens e esmaltes agora ganha o seu espaço nos fios de cabelo. A técnica de mechas usada para dar o efeito tridimensional nos fios é feita com três cores “ton sur ton” – tom sobre tom – ao tom natural dos cabelos, o que dá profundidade e dimensão aos fios.

Muita gente pensa que as mechas 3D são semelhantes às mechas degradê com tons escuros, mas na verdade, quando as tonalidades aproximadas ficam juntas criam um toque de cor final e geral no cabelo. As mechas com efeito tridimensional são mais naturais e criam uma ilusão de ótica no cabelo, dando uma nova e diferente percepção de cor das mechas sob luzes diferentes a cada movimento dos fios.

O diferencial no resultado das mechas 3D em relação aos outros tipos de mechas é que não são todas as partes dos fios que recebem esse efeito, por isso as mechas não ficam tão visíveis e marcadas.

Por não serem tão previsíveis, as mechas podem ser feitas de forma vertical, horizontal ou até mesmo na transversal. A técnica vale para todas as mulheres que querem inovar o visual com mechas loiras, escuras e até mesmo de forma mais ousada, fazendo mechas coloridas no estilodip-dye hair.

Como são feitas as mechas 3D?

Quem deseja fazer as mechas 3D precisa escolher um bom profissional que entenda bem do assunto, pois a técnica para conseguir o efeito tridimensional nos fios exige cuidados dobrados. Para chegar ao efeito desejado é preciso avaliar cada tipo de fio, o corte de cabelo e a personalidade da cliente.

Os tons das mechas devem ser intercalados sempre combinando com o tom da pele. As mechas saem esfumadas da raiz e são trabalhadas de forma intercaladas em camadas inteiras com tinta e em mechas desfiadas. Tudo para sair do tradicional “efeito zebrado” e conseguir esse efeito de luminosidade estratégica nas mechas que destaca os fios.

Fotos de cabelos com mechas 3D

Confira na galeria abaixo algumas fotos de cabelos com mechas 3D e escolha o tipo de efeito e a cor ideal para dar uma repaginada no seu cabelo.

1. Mechas 3D coloridas


2. Mechas 3D para loiras





3. Mechas 3D das celebridades



4. Mechas 3D estilo dip-dye hair


5. Mechas 3D coloridas


6. Mechas 3D para ruivas


7. Mechas 3D para morenas


8. Mechas 3D para loiras


9. Mechas 3D para morenas


10. Mechas 3D para morenas


11. Mechas 3D para ruivas


12. Mechas 3D para cabelo vermelho



By Silvia Martins

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Escova Inglesa

Conheça a escova que alisa e hidrata os cabelos sem agredir a saúde dos fios


escova inglesa Escova inglesa

escova inglesa (ou escova london) é mais uma das técnicas de alisamento muito pedida nos salões. Apesar de não conter formol, não se trata de uma versão de escova progressiva ou definitiva.
A técnica, que já foi adotada por celebridades como Madonna, Paris Hilton e Angelina Jolie, pode ser definida como uma super hidratação que sela as cutículas dos fios e proporciona fios com balanço e um caimento natural.
O motivo de tanto sucesso é que a fórmula da escova london contém aminoácidos, queratina e albumina, nutrientes que potencializam a hidratação, alisam, dão brilho e melhoram o aspecto dos fios.
resultado da escova inglesa pode ser fios bem lisos ou só comportados, isso varia de acordo com o tipo de cabelo e com a quantidade de vezes que o profissional passa prancha em cada mecha do cabelo.
O certo é que esse tipo de escova pode ser feito até em cabelos quimicamente tratados, ressecados ou fragilizados. Quem tem tintura e reflexo nos fios também pode fazer. Outra vantagem é que se o cabelo já tiver alisamento e receber a escova London, o efeito liso é potencializado.
Depois de fazer a escova, o ideal é usar diariamente um xampu de tratamento e não descuidar da hidratação. Use um bom creme semanalmente ou a cada 15 dias. Com esses cuidados, o efeito liso natural da escova inglesa pode durar até seis meses.
O retoque pode ser feito só na raiz ou em toda a extensão dos fios. Dependendo do tipo de cabelo, só é preciso voltar ao salão para passar novamente pelo procedimento depois de quatro meses.
By Silvia Martins
Hairstyling



sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Grávida pode tingir o cabelo?

Tire suas dúvidas sobre o assunto e descubra se usar tintura durante a gravidez faz mal para o bebê


tingir o cabelo durante a gravidez Grávida pode tingir o cabelo?

Nos primeiros meses de gestação, é normal que as mamães de primeira viagem tenham muitas dúvidas sobre diversos assuntos dessa nova fase da vida. Além de preocupações e preparativos para a chegada do bebê, elas também precisar saber como cuidar da beleza.
Um novo corte de cabelo para renovar o visual pode ser difícil de escolher, no entanto, não oferece riscos para a saúde do bebê e pode ser feito durante os noves meses de gestação. Mas o que a maioria das mães ainda tem dúvidas quanto aos cuidados que deve ter com a beleza nesse período é se grávida pode tingir o cabelo ou não.
tintura de cabelo pode ser prejudicial para a saúde da criança, pois sua fórmula contém amônia, uma substância tóxica para o bebê no ventre da mãe.
Por isso, tingir o cabelo durante a gravidez só é permitido até o primeiro trimestre de gestação, quando o feto ainda está no período inicial de desenvolvimento.
O tipo de tintura mais indicada são os xampus tonalizantes ou as tinturas naturais, como a henna.
Além de se preocupar com a saúde do bebê, a mamãe também deve ficar de olho com a própria saúde. Durante esse período, o corpo feminino fica mais sensível, o que aumenta as chances de reações como irritação, coceira e vermelhidão no couro cabeludo ao pintar o cabelo.
Durante a gravidez, todo cuidado é pouco para manter a saúde da criança e da mãe em perfeito estado. Sendo assim, o ideal é conversar com o seu médico para saber quais as alternativas mais seguras para manter a cor do cabelo em dia durante os nove meses sem colocar a vida do bebê em risco.
By Silvia Martins
Hairstyling

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

7 dúvidas comuns sobre tintura de cabelo

Acabe de vez com as dúvidas na hora de tingir os fios


duvidas sobre tintura cabelo 7 dúvidas comuns sobre tintura de cabelo

Seja para dar uma repaginada no visual ou apenas cobrir os fios brancos, a tintura faz parte do ritual de beleza de muitas mulheres. Mas, apesar de ser um hábito comum, tingir os cabelos ainda rende algumas dúvidas. Para ajudar, selecionamos 7 dúvidas comuns sobre tintura de cabelo e trazemos as respostas para acabar de vez com os dilemas sobre o assunto. Confira:

1 – A tintura danifica o cabelo?

Todo processo químico agride os fios, mas o que determina isso é a frequência com que você colore os cabelos e os cuidados antes e depois de aplicar a tintura. Uma boa dica é não descuidar da hidratação no intervalo entre uma tintura e outra. Dessa forma, os fios recebem de volta os nutrientes perdidos durante o processo de coloração.

2 – Uma coloração pode clarear a outra?

Tintura não clareia tintura. Se você já usa uma coloração permanente e deseja clarear os fios, apenas a tintura não adianta. É necessário fazer uma descoloração antes para eliminar a tintura anterior para só então aplicar a nova cor.
Tentar descolorir os fios em casa sem ter experiência pode ter um resultado desastroso. Por isso, o melhor é procurar um profissional de confiança e fazer o procedimento no salão.

3 – O resultado da cor vai ficar igual ao da embalagem?

Comprar a tintura de acordo com a foto da caixinha é um erro bastante comum e, na maioria das vezes, pode ser extremamente frustrante. Isso porque cada cabelo reage de uma forma diferente à tintura e o resultado depende muito da cor original do cabelo. No caso de quem já está acostumada a colorir os fios, a última cor aplicada influencia no resultado da nova coloração.

4 – Posso fazer uma coloração mais outro tipo de química no mesmo dia?

O ideal é esperar no mínimo 15 dias para realizar outro procedimento, já que os componentes dos produtos usados podem ser incompatíveis e agredir os fios.

5 – As tinturas podem causar alergia?

Sim, as tinturas podem causar intoxicação e reações alérgicas em algumas pessoas, por isso é tão importante fazer o teste antes de utilizar o produto e não deixar a coloração agir por mais tempo que o indicado pelo fabricante.
Para fazer o teste, aplique um pouco da tintura sem misturar (aquela que vem no tubo) atrás da orelha. Espere 48h sem lavar o local.
Se durante este tempo você sentir coceiras, ardência ou vermelhidão onde a tintura foi testada ou em volta dela, não utilize o produto na cabeça. Como a alergia pode se desenvolver ao longo do tempo, mesmo em quem já é adepta da tintura, o ideal é repetir o teste sempre que for colorir os cabelos.

6 – Meu cabelo é comprido. Preciso aumentar a quantidade de produto?

Sim. Para quem tem fios muito longos ou volumosos, o recomendado é usar pelo menos duas embalagens da mesma coloração para garantir um bom resultado.

7 – Não usei toda a tintura. Posso guardar o que sobrou do produto para uma próxima aplicação?

De forma alguma. O ideal é preparar apenas o suficiente para cobrir os fios. Uma vez feita a mistura do produto, você deve usá-lo totalmente e se houver sobra, jogar fora.
Confira as colorações das mais variadas marcas nas lojas Cotirô e encontre a que mais combina com você!!!
By Silvia Martins
Hairstyling


terça-feira, 17 de janeiro de 2012

4 situações em que não se deve tentar uma mudança radical no cabelo

Saiba em quais situações é melhor evitar uma mudança drástica no corte de cabelo para poupar aborrecimentos


situacoes nao mudar cabelo 4 situações em que não se deve tentar uma mudança radical no cabelo

Mudanças no visual são quase sempre bem-vindas. Um novo corte de cabelo é ótimo para dar aquela levantada na autoestima de quem já se cansou da mesma imagem refletida no espelho ou sente que as madeixas já não estão valorizando tanto o rosto.
Mas existem algumas ocasiões em que apostar em que apostar em uma transformação pode não ser uma boa ideia. Listamos algumas situações em que não se deve tentar uma mudança radical no cabelo e explicamos o porquê de cada uma delas. Confira:

1 – Antes do casamento

Diante da indecisão sobre o que fazer nas madeixas para o casamento, muitas noivas se apavoram e decidem mudar a cor, o corte ou até alisar os fios.
A experiência pode dar certo e ter um resultado incrível. Mas por outro lado, corre-se o risco de acabar estragando o cabelo e a transformação ter um efeito pra lá de desastroso.
Portanto, o ideal é conversar com o profissional que ficará responsável pelo seu penteado de noiva meses antes da cerimônia. Discutam juntos as possibilidades, testem várias opções. Se mesmo assim achar que seu cabelo necessita de uma repaginada, faça isso com antecedência.

2 – Depois do casamento

É comum que as mulheres deixem o cabelo crescer por meses para facilitar o penteado de noiva e, logo em seguida, corram para o salão passar a tesoura nos fios. Não há problema algum em mudar o corte de cabelo após o casamento. Apenas avise seu novo marido antes de sair e fazer uma mudança muito drástica. Caso contrário, ele pode não reconhecê-la quando voltar para casa.

3 – Fotos para a formatura

É como o casamento: o evento só acontece uma vez e você não vai querer ser lembrada por anos como “aquela do cabelo estranho” e nem precisar esconder o álbum sempre que alguém quiser ver as recordações deste momento tão importante.
Não se esqueça de que o cabelo pode levar alguns dias até se acostumar com o novo corte. Aliás, você mesma pode precisar de um tempo até se acostumar com o novo visual e fazer com que as madeixas fiquem totalmente disciplinadas.

4 – Entrevista de emprego

Uma boa aparência conta e muito na hora de disputar uma vaga de emprego. Portanto, aparar os fios antes do encontro com o entrevistador é ótimo para ficar com cara de “tudo no lugar”.
Mas não se empolgue ao sentar na cadeira do cabeleireiro. Mesmo que já tenha a intenção de mudar o visual, o mais sensato é esperar por alguns dias e deixar para fazer isso depois da entrevista de emprego, ou você pode ter problemas para fazer com que seu cabelo fique como você deseja.

By Silvia Martins
Hairstyling

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

6 Truques para um Novo Contorno









By Silvia Martins
Hairstyling

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

O retorno das franjas

Dicas sobre o que há de novo e o que permanece nos cortes com franja em 2012


As tendências em cortes de cabelo vêm e vão como um ciclo e as franjas não poderiam fugir a este curso natural. Elas voltaram em 2007, não pararam por aí e agora surgem novamente como tendência para cabelos 2012.
As franjas, assim como outros cortes, evoluíram ao longo dos anos, mas nem tudo a respeito delas mudou. Ainda usam-se franjas espessas, sem corte e longas (de preferência sobre a parte superior dos olhos).

As franjas de 2012

modelos franjas1 O retorno das franjas

Uma das franjas mais populares deste ano é afranja bagunçada, mais “largada” e volumosa. Esta franja complementa looks grunge e looks mais despojados.
franja anos 60 inspirada nos cortes de Françoise Hardy e Jane Birkin também está em alta. É uma franja bem leve e romântica, geralmente dividida ao meio.
E a franja reta que nunca deixou de estar em voga, dá um ar sério e elegante aos looks.

Cortes que combinam com franja

modelos franjas2 O retorno das franjas

Curto “bob”: Os curtos do momento são os curtos um pouco mais longos e vão bem com franja bagunçada ou reta.
Curto “pixie”: A melhor franja para este tipo de corte é a franja que é uma continuação do cabelo, porém mais curta. Algumas celebridades já adotaram este estilo, incluindo Rihanna e Katie Holmes.
Longos: Franjas combinam com cabelo comprido, especialmente com os lisos naturais e com os levemente ondulados. Podem ser tanto franjas retas quanto as mais bagunçadas.
By Silvia Martins
Hairstyling