quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Proteção solar tem novas regras; saiba o que muda e fique atento na hora da compra

Antes de se expor ao sol é preciso escolher com cuidado o protetor solar adequado e aplicar seguindo as recomendações dos dermatologistas

Antes de se expor ao sol é preciso escolher com cuidado o protetor solar adequado e aplicar seguindo as recomendações dos dermatologistas

Se você já começou a se preparar para a temporada de praia e piscina, deve ter notado algumas mudanças - ainda que sutis - entre os protetores solares. É que uma resolução da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), de junho de 2012, fez com que os fabricantes se mobilizassem para deixar a comunicação visual mais clara aos consumidores, além de se adaptarem a novas normas de produção. Embora as regras passem a ser obrigatórias, somente em 2014, saiba o que muda e fique atenta na hora da compra:

O fator de proteção mínimo vai de 2 para 6

De fato, o FPS 6 é melhor do que o FPS 2, mas os médicos ainda defendem a teoria de que é necessário que "o mínimo" seja bem mais alto. "É importante lembrar que, para ser eficaz, o FPS mínimo deve ser 30", ressalta o dermatologista Sérgio Schalka, da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Schalka ressalta que, na praia e na piscina, a matemática é outra e quanto mais alto o FPS, melhor, por diversos motivos. Apesar de o cálculo do FPS corresponder ao tempo de exposição ao sol (ou seja, um FPS 40 permite que a pessoa fique 40 vezes mais tempo sob o sol sem se queimar do que se não estivesse protegida), se considerarmos os filtros acima de 30, concluímos que não há tanta diferença, por exemplo, do FPS 30 para o FPS 60. "O FPS 30 vai absorver 95% da radiação, enquanto o 60, absorverá cerca de 97%. Mas os FPS mais altos são mais eficazes porque as pessoas não têm consciência de como passar uma quantidade adequada", justifica a dermatologista Karin Helmer, da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Em loção, spray ou creme com toque seco, as opções de protetores solares para o corpo são muitas e prometem atender às mais diferentes necessidades

Proteção contra os raios UVA terá que ser no mínimo 1/3 do FPS (proteção contra os raios UVB)

A partir de agora, deve existir uma proporção entre o FPS (proteção contra os raios UVB) e o FP UVA, proteção contra os raios UVA – e isso precisa ser comprovado pelo fabricante. Para entender essa relação existe a regra do A, de "aging", envelhecimento, em inglês, e do B, de "burn", queimadura em inglês: ora, os raios UVA causam o envelhecimento por atingirem as camadas mais profundas da pele, onde fica o colágeno e a elastina, fibras responsáveis pela sustentação da cútis. Já os raios UVB causam queimaduras e vermelhidão, pois atingem a camada superficial da pele, região onde o câncer tem origem.

Proibido denominar qualquer produto como bloqueador solar ou 100% de proteção

Não caia nessa. Na prática, essa "proteção total" é impossível, ainda mais se considerarmos que a o brasileiro não tem o hábito de reaplicar o produto a cada duas horas e nem de usar a quantidade ideal, que deve ser sempre abundante.

Necessidade de reaplicação: deve vir no rótulo

Sim, o fabricante deverá comunicar isso na embalagem, mesmo no caso dos mais resistentes à água. É imprescindível a conscientizar as pessoas da importância de reaplicar o protetor solar ao longo do dia. A maioria da população aplica quando chega à praia ou piscina e não volta a passar. A recomendação dos médicos é que o produto seja usado a cada duas horas. No entanto, ao sair da água, após um longo período de permanência; quando se transpira além do normal e após a prática de atividade física é necessário aplicar o produto, independentemente do horário em que se aplicou pela última vez, sem ressalvas.

Será obrigatório comunicar o nível de resistência do produto

Com a nova lei, comunicar essa informação se torna obrigatório. Para poder inscrever no rótulo que o produto é "Resistente à água", "Muito Resistente à água", "Resistente à Água/suor" ou "Resistente à Água/transpiração", essas propriedades deverão ser comprovadas. Ciente do grau desse benefício, o consumidor deduz qual o nível de eficácia do protetor solar quando em contato com a água e nas situações em que ocorre uma transpiração excessiva, como sob o calor muito forte e após atividade física. Assim, pode se proteger melhor.

Fonte: UOL

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Maquiagem e joias celebram o glamour das festas de fim de ano

As festas de fim de ano pedem produções com um toque extra de glamour e um cuidado elaborado com cabelos, maquiagens e acessórios, afinal, é tempo de celebrar. Para inspirar quem busca ideias de produções para sair do lugar comum, UOL Beleza convidou a maquiadora Fabiana Gomes e o cabeleireiro João Boccaletto que criaram seis sugestões de looks sofisticados e atuais que ficam ainda mais glamorosos com joias contemporâneas, feitas para você brilhar na noite de Natal ou na passagem do ano. No primeiro look, todo focado na maquiagem dos olhos, a sombra verde musgo substitui o clássico preto em um esfumado de formato mais alongado. As sobrancelhas também aparecem com desenho acentuado, seguindo a tendência do momento. Nos cabelos, a pedida é por um visual bem justo, com risca lateral e acabamento laqueado.

Os tons quentes estão em alta na maquiagem dos olhos e criam um visual moderno e feminino. Aqui, Fabiana Gomes apostou no vermelho com fundo rosado para um look suave, com direito a cílios postiços e sobrancelhas bem marcadas. Nos cabelos, João Boccaletto escolheu um visual de diva hollywoodiana, com fios ondulados com babyliss caindo sobre um dos ombros.

A boca vinho é uma maneira de explorar a maquiagem de uma maneira chique, ideal para quem já perdeu o medo do batom vermelho. Neste look, a boca com sutil degradê concentra as atenções, deixando o restante clean e iluminado. Nos cabelos, João Boccaletto ressalta que os penteados mais "limpos" são elegantes, nada rebuscados, e melhoram a postura, valorizando a produção e as joias.

Aqui, Fabiana Gomes mostra como o "temido" batom rosa claro com fundo azulado - o popular Snob - pode ficar lindo em peles morenas e bronzeadas, o segredo está na aplicação leve, sem formar uma camada muito espessa de produto. Combinado com o blush coral marcando as maçãs, a maquiagem cria um contraste elegante no rosto.

Mesmo usando uma joia clássica, é possível fugir do lugar comum e revistar um ícone da maquiagem - o delineador - e apostar no traçado colorido em azul cobalto. O blush marcado cria contraste entre quente e frio, hit da maquiagem atual. O cabelo justinho, com risca lateral, deixa tudo mais elegante.

Um dos segredos da nova maquiagem é explorar áreas poucos usuais da maquiagem, como as têmporas. Aqui, Fabiana Gomes sugere um look monocromático baseado no blush terroso com brilho sutil, aplicado subindo em direção a lateral do rosto. A mesma família de cor foi usada nos olhos, em um esfumado também abaixo dos cílios inferiores com toque de dourado.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Tratamentos 3 em 1 prometem combater celulite, gordura localizada e flacidez de uma só vez

Tecnologia de aparelhos como o Freeze (foto) são aliados no combate à celulite, gordura localizada e flacidez

Tecnologia de aparelhos como o Freeze (foto) são aliados no combate à celulite, gordura localizada e flacidez

É difícil escapar de um desses três problemas. Pior ainda quando surgem em dupla, ou mesmo em trio. O que não é raro acontecer, visto que suas causas são praticamente as mesmas, com, em primeiro lugar, a questão hereditária e, em segundo, as hormonais. “Sedentarismo e dieta mal equilibrada também influenciam negativamente para o aparecimento de celulite, gordura e flacidez”, explica Ana Lúcia Recio (SP), membro das Academias Brasileira de Cirurgia Dermatológica e Americana de Dermatologia. “Há que se considerar, ainda, fatores externos como uso de roupas apertadas e hábito de ficar muito tempo sentada, em geral por causa da profissão”, completa Mônica Aribi (SP), da Sociedade Brasileira de Dermatologia, mestre pelo Instituto de Assistência Médica do Servidor Público Estadual (Iamspe). Já Mônica Linhares, dermatologista clínica e estética do Espaço Saúde Rio, no Rio de Janeiro, diz que deficiência vascular –insuficiência venosa– e fumo igualmente induzem ao quadro.

As mulheres sofrem mais por várias razões, especialmente pelas disfunções oriundas de ciclos menstruais, gestação, menopausa e uso de anticoncepcionais. “Pelas condições hormonais, há mais tendência à formação de tecido gorduroso, e menos de tecido muscular em comparação com os homens. Isso favorece o surgimento de adiposidades em áreas como culote e bumbum”, observa Ana Carina Junqueira Bertin, dermatologista da Clínica Adriana Vilarinho e do Centro de Cirurgia da Obesidade e Metabólica, em São Paulo.

No universo feminino, a maior propensão recai sobre as que apresentam quadris volumosos e corpo em formato de pêra: o acúmulo de gordura no local comprime os vasos sanguíneos, que levam à celulite, e a falta de exercício provoca a flacidez. Um círculo vicioso mesmo. “Quem está acima do peso, ingere pouco líquido, não malha regularmente, dorme pouco e vive sob estresse igualmente apresenta maior tendência à tríade”, complementa Taíssa Veronese, fisioterapeuta da Clínica Alan Landecker, em São Paulo. Felizmente dá para combater esses três fantasmas com algumas máquinas superpotentes, veja na tabela a seguir:

Nome do aparelho: Velashape

Qual a promessa: Melhora celulite, gordura localizada e celulite em torno de 50% a 70%.

Como funciona: São quatro mecanismos: massagem mecânica feita com o cabeçote da máquina, incluindo sucção e rolamentos, para destruir os nódulos de gordura; vacuoterapia, capaz de melhorar a circulação sanguínea e incrementar o metabolismo celular; radiofrequência, que esquenta a área estimulando a formação de colágeno, atacando flacidez e diminuindo as células de gordura; e infravermelho, que também aumenta a temperatura local de forma a potencializar todos os efeitos.

Quantas sessões são necessárias: Entre dez e 12, feitas uma ou duas vezes por semana.

O que a paciente sente: A terapia a vácuo pode dar a sensação de beliscar a pele, principalmente na parte interna das coxas. A radiofrequência e o infravermelho esquentam a superfície, o que incomoda um pouco.

O que fazer em casa para potencializar os resultados: Não usar roupas apertadas, beber dois litros de água por dia, seguir uma dieta equilibrada com pouco sal e fazer exercícios físicos com regularidade, de preferência mesclando musculação e atividades aeróbias.

Nome do aparelho: Freeze

Qual a promessa: Melhora a textura da pele por meio da remodelação e tonificação do corpo. Minimiza a flacidez e a gordura localizada e reduz a inflamação da celulite

Como funciona: Combina pulsos magnéticos com radiofrequência multipolar, estimulando intensamente a área a ser tratada. Incrementa a circulação sanguínea e promove a proliferação de fibroblastos, aumentando a produção de colágeno e elastina, fundamentais para a sustentação dos tecidos. “A radiofrequência, base do tratamento, aquece a pele até a derme, atingindo a camada de gordura e diminuindo as células adiposas”, explica Luciana Hitomi (RJ), médica pós-graduada em Medicina Estética pela Sociedade Brasileira de Medicina.

Quantas sessões são necessárias: De oito a 12, uma vez por semana.

O que a paciente sente: O desconforto é mínimo, pois o tratamento não é doloroso.

O que fazer em casa para potencializar os resultados: Priorizar uma alimentação leve, dedicar-se a exercícios físicos no mínimo três vezes por semana e beber bastante água.

Nome do aparelho: Ultra Accent XL

Qual a promessa: Já nas primeiras sessões, é possível perceber diminuição da gordura e valorização das formas. No caso de flacidez e celulite, os resultados começam a surgir a partir da terceira aplicação.

Como funciona: Trabalha com duas tecnologias, a radiofrequência e o novo ultrassom Shear Waves. A primeira tem a finalidade de promover o aquecimento em profundidade para estimular a produção de colágeno, tratando flacidez e celulite. “Já o ultrassom provoca a lipólise, quer dizer, a quebra das células de gordura de forma seletiva e não invasiva, combatendo gordura localizada e aprimorando o contorno corporal”, atesta Fernanda Scovino, fisioterapeuta dermatofuncional da Clínica Espaço Solaris, no Rio de Janeiro.

Quantas sessões são necessárias: De cinco a oito, a cada 15 dias.

O que a paciente sente: O procedimento é indolor, há apenas um aquecimento na região a ser tratada. Forma-se uma vermelhidão suave, que desaparece logo após o término da intervenção.

O que fazer em casa para potencializar os resultados: Priorizar uma alimentação leve e fazer exercícios físicos regulares.

Nome do aparelho: Thermage

Qual a promessa: No caso da flacidez, melhora até 87% do problema, o que acontece de um a três meses depois de iniciado o tratamento. A gordura localizada e a celulite têm benefícios mais discretos, de acordo com os hábitos da pessoa.

Como funciona: Por meio de uma ponteira, ondas de radiofrequência são emitidas e aquecem as camadas mais profundas da pele, modificando o tecido onde se encontram as fibras responsáveis pela sustentação. O aquecimento e resfriamento desencadeiam a contração do colágeno, diminuindo a flacidez. “Com o tempo, um novo colágeno é produzido, deixando a pele firme e com uma aparência mais jovem”, destaca Marcela Studart (RJ), membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Quantas sessões são necessárias: Uma única sessão, uma vez por ano.

O que a paciente sente: O procedimento é indolor. Logo após o atendimento, a superfície apresenta uma leve vemelhidão, que regride em poucos minutos.

O que fazer em casa para potencializar os resultados: Priorizar uma alimentação leve e fazer exercícios físicos pelo menos três vezes por semana. Hidratar bem a pele e protegê-la da radiação solar.

Fonte: UOL

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Destaque nas passarelas, sobrancelha marcada é hit da temporada; saiba como usar

A sombra em pó deixa a sobrancelha marcada com aspecto mais natural

A sombra em pó deixa a sobrancelha marcada com aspecto mais natural

Destaque das semanas de moda de São Paulo e Rio de Janeiro, a sobrancelha marcada saiu das passarelas e já conquistou famosas e anônimas. Os pelinhos agora são reforçados com maquiagem para disfarçar as falhas, deixar o visual mais intenso e realçar ainda mais o olhar. Emma Watson, Camilla Belle, Rosie Huntington-Whiteley, Carey Mullingan e Cléo Pires são algumas das famosas que frequentemente exibem o visual moderno em alta na temporada.

“O ideal é manter o formato original dos pelos, apenas mantendo-os bem alinhados e definidos”, explica a maquiadora Cris Narvaes, do salão Laces and Hair, em São Paulo. Depois de limpar o excesso, as sobrancelhas são realçadas com produtos próprios para a região, que podem ser sombras, máscaras ou lápis. "Para que o visual fique suave, sem chamar muita atenção no dia a dia, o ideal é utilizar apenas sombra e rímel de sobrancelhas", ensina.

O desenho deve se sobressair no rosto, atuando como uma moldura. Os traços falhos e fininhos saem de moda e abrem espaço para os riscos bem marcados. Para o dia a dia, é possível conquistar um visual mais leve com o uso da sombra opaca e seca, apenas para definir o olhar. "Tem que acompanhar o desenho dos pelos, sem aumentar a área", ensina Cris. Segundo a profissional, o uso de lápis pode deixar a expressão pesada.

O formato do arco mais grosso já foi sucesso na década de 50, quando atrizes hollywoodianas, como Ingrid Bergman e Elizabeth Taylor, exibiam suas belas e fartas sobrancelhas desenhadas. A moda voltou com tudo recentemente com a estreia do remake "Gabriela". A atriz Juliana Paes incorporou a mudança e parou imediatamente de arrancar os pelinhos quando recebeu o convite.

Passo a passo para fazer a sobrancelha marcada

Leonardo Soares e Carla Borges/UOL

1- Retire os pelinhos em excesso. Comum pincel chato, preencha todo o fundo das sobrancelhas com a sombra mais próxima da cor dos pelos. Faça movimentos suaves dando leves pinceladas e não ultrapasse o contorno para não ficar artificial

2- Umedeça o pincel chanfrado fino e, ainda com a sombra, desenhe suavemente os pelos da sobrancelha, imitando o formato original. Aproveite para esfumar e deixar o look mais suave

3- Escolha um rímel específico para sobrancelha e próximo da cor de seus pelos. Finalize o look modelando com a escovinha do produto para dar o acabamento

Fonte: UOL

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Mitos e verdades do curvex: aprenda a usar o acessório queridinho dos maquiadores

Curvar os cílios dá acabamento à maquiagem e deixa o olhar mais aberto e bonito

Curvar os cílios dá acabamento à maquiagem e deixa o olhar mais aberto e bonito

Quem vê este acessório pela primeira vez muitas vezes fica com o pé atrás. Com aparência que lembra uma tesoura ou uma pinça médica, o curvador de cílios (ou curvex, como é conhecido) pode não ser bonito, mas é o queridinho dos maquiadores e amantes de make. Isso porque, como afirma Duda Molinos, “não existe máscara para cílios que substitua seu efeito”: ele é capaz de curvar bastante os fios e abrir o olhar.

Apesar do gosto pelo curvex ser unânime, ele ainda enfrenta certa dúvida das consumidoras de maquiagem. Afinal, são muitos os mitos que o rodeiam: curvex belisca, quebra os cílios, arranca os pelos... Será? Conversamos com maquiadores sobre os mitos e verdades do curvador e pedimos dicas de como usar melhor o acessório. Siga os conselhos deles e conquiste cílios mais curvados no próximo make.

MITOS E VERDADES DO CURVEX

Ele sempre belisca a pele?
Se você nunca usou o acessório, é preciso cuidado. “Quando não se tem prática, é normal às vezes o curvex beliscar a pálpebra”, explica Rosman Braz, maquiador do salão 1838. Isso pode acontecer ao apertar o aparelho além da raiz dos pelos ou ao escolher um modelo que não é compatível com seu formato de olho. “Na maioria das vezes, o modelo do curvador é universal. Mas alguns abrem mais ou menos, então é uma questão de adaptação”, diz Rosman. Por isso, vá devagar no começo.

Ele quebra ou arranca os cílios?
Se ele é usado da maneira correta, não. “O certo é encaixar todos os fios, apertar e depois abrir para liberar os cílios. Já se você puxar o curvex enquanto está apertando os fios aí pode arrancar ou quebrar os pelos”, explica Rosman.

É eficiente esquentar os cílios para curvar mais? Isso é perigoso?
A lógica é a mesma para o babyliss nos cabelos: ao esquentar e modelar, ele fica mais curvado. Mas é preciso muito cuidado para executar essa manobra. Tem gente que aquece o curvex tradicional com um secador. “Até dá para fazer isso, mas tem que ter muito cuidado para não esquentar demais e queimar o olho! O melhor é apostar nos modelos de curvador que aquecem, e ainda assim é preciso muito cuidado. Não aconselho usar sempre – só para uma festa ou evento”, pondera Rosman. Se quiser mesmo esquentar os cílios, aposte em modelos específicos que contam com regulador de temperatura, o que garante não queimar os pelos e a pele.

Qual é a melhor forma de aplicar o curvex?
O ideal é sempre posicionar o acessório o mais próximo possível da raiz dos pelos. Depois, cada um segue uma receita. “Meu truque é pegar os cílios com o curvex reto, apertar e, mantendo apertado, dar uma curvadinha nos fios com ele, empurrando para cima”, ensina o top maquiador e cabeleireiro Celso Kamura. Rosman Braz tem outra técnica. “Aperta bem o curvex e conta até dez. Depois, para não ficar muito marcado perto da raiz, vai subindo e apertando na extensão dos cílios até as pontas, umas três ou quatro vezes, dependendo do tamanho dos fios”, ele explica.

DICA DE EXPERT

Afinal, pode passar rímel antes do curvex? A maior dúvida de quem ama maquiagem também é a que mais divide a opinião dos maquiadores. No fim das contas, o ideal é ter sempre cuidado e bom senso e apostar na forma que melhor se aplica a seu tipo de pelo.

Duda Molinos: “O curvex precisa ser usado sempre com os cílios limpos, antes da máscara.”

Vanessa Rozan: “É bom passar o curvex antes do rímel. Não é que na primeira vez vai fazer mal, mas com o constante uso [do rímel antes do curvex] o fio pode quebrar. É melhor evitar. E também é bom trocar a borrachinha de tempos em tempos, se não ele perde o efeito.”

Celso Kamura: “Um pelo maleável segura bem o curvex antes da máscara. Já os pelos mais grossos e muito retos, como é o caso da [apresentadora] Angélica, normalmente você curva e logo depois ele cai. Então tem que passar primeiro uma ou duas camadas do rímel, depois aperta o curvex e finaliza com outra camada, para segurar. Aí sim ele vira bem.”

Fonte: UOL

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Esmalte Colorama Forma em Cor

bg_interna_2

Cremosos

                      image

Cores intensas e cobertura profissional com ultra duração e secagem rápida.

  • Círculo Branco – branco perolado

Verniz & Cor – esmaltes 2 em 1
Cor e brilho verniz combinados em esmaltes de alta resistência;

  • Cone Laranja – laranja aberto
  • Curva bege – bege queimado
  • Preto Gráfico Fosco – preto fosco
  • Quadrado Azul – azul royal
  • Retângulo Verde – verde pistache
  • Seta Vermelha – vermelho puro

A coleção estará disponível em todo Brasil a partir de novembro.
Como os demais esmaltes Colorama, os esmaltes de “Forma em Cor” são dermatologicamente testados e não possuem em sua fórmula ingredientes alergênicos como Tolueno, Formaldeído e Dibutilftalato.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Unha 'filha única' continua hit

A cantora Nicole Scherzinger fez a sua filha única com unhas postiças na campanha da linha imPRESS, da americana Broadway. Animal print aparece no anelar e o restante em rosa

A atriz Anne Hathaway durante o Women's Media Awards. Ela foi uma das últimas a investirem na proposta e escolheu o vermelho para as unhas + o branco em seu anelar

A cantora Gwen Stefani no EMA 2012. O preto foi aplicado nas unhas com a filha única creme

A atriz Kaley Cuoco no People's Choice Awards 2012. Ela optou pela mistura do vermelho com o cinza

Já a cantora Zooey Deschanel investiu no brilho e na textura para suas unhas durante o Fox Upfront. Na filha única, dourado e branco

Seja com brilho ou apenas com combinações de cores diferentes, o importante é fazer as cores conversarem entre si, e não destoar de maneira que chame muita atenção

Uma opção a princípio estranha se tornou febre entre meninas de todas as idades: a unha filha única. Como o próprio nome diz, pintar uma das unhas da mão com cor diferente das demais, hábito que pegou entre as celebridades americanas desde o ano passado, tomou conta dos salões braleiros e se tornou a mais pedida em 2012.

Entre as últimas que aderiram, a cantora Gwen Stefani, que coloriu de preto com creme sua filha única, a atriz Kaley Cuoco, combinando cinza com vermelho, e a atriz Zooey Deschanel, que misturou texturas e cores com o dourado e o rosa para a sua solitária.

A ideia é simples: pintar as unhas em uma cor e destaca o dedo anelar com outra, com direito a brilhos e texturas. É mais pra balada, mas a mulher moderna faz, independente da idade.A combinação de maior sucesso é o prata com a 'filha única' caviar, mas que muitas gostam de variar nas misturas. Sabendo organizar as cores fica muito legal e não fica cafona.

E a faixa etária de quem busca esta onda é variada. Antes, era mais as meninas novinhas. Hoje em dia eu tenho cliente de 70 anos que também faz, que tem seu hit próprio na unha lisa com glitter no anelar, e tem atestado o sucesso entre as clientes.

Fonte: Chic

Novela

Descobrimos os esmaltes que usam as principais personagens das novelas Salve Jorge e Guerra dos Sexos.

Charlo

Na terceira semana de novembro, o esmalte usado por Charlô (Irene Ravache) foi o item mais pedido pelas telespectadoras na Central de Atendimento ao Telespectador da Globo. Aproveitando, conheça a cor da personagem de Irene Ravache e outras unhas de Guerra dos Sexos e Salve Jorge.

Charlô (Irene Ravache): Deixa Beijar em vermelho intenso da Colorama

Juliana

Juliana (Mariana Ximenez): Malícia, da Risqué

Vania

Vânia (Luana Piovani): preto cremoso, no Black da Colorama

Novela4

Manoela (Guilhermina Guinle): esmalte em gel Beige da Bourjois

Heloisa

Heloísa (Giovanna Antonelli): Ímpeto, da linha da atriz: Gio Antonelli para Specialittá

Lurdinha (Bruna Marquezine): unhas de pelúcia com o Psico, de Isabelli Fontana para Risqué, como cor-base

Morena (Nanda Costa): Riviera, da Dior

Fonte: Chic

Saiba como manter os lábios hidratados e saudáveis no verão

O excesso de exposição dos lábios ao sol pode deixar a região desidratada e até mesmo com queimaduras que podem resultar em doenças sérias. Por isso, não deixe de conferir nossas dicas para manter seus lábios saudáveis na estação mais quente do ano.

labios-protecao-verao

Proteger os lábios dos raios ultravioletas do sol é tão importante quanto proteger as demais regiões do corpo. “A exposição solar excessiva dos lábios pode causar ressecamento e queimaduras que provocam fissuras nos lábios, favorecendo o surgimento de infecções no local e também diminuindo suas defesas naturais, promovendo a aparição de queilites e herpes labial. Tais fatores podem favorecer o aparecimento de câncer cutâneo, principalmente em peles claras (fototipos I e II) e em fumantes inveterados”, alerta a Dra. Maria Aldora Cruz, dermatologista e chefe do ambulatório de Dermoestética da Sociedade Brasileira de Medicina Estética (RJ).

Entre as melhores formas de proteger os lábios do sol, a dermatologista Dra. Luciana Macedo de Oliveira, diretora médica da Clinique des Arts (SP), recomenda a constante hidratação dos lábios com produtos adequados, ou seja, batons próprios para a fina pele da região. “Os ativos mais indicados para hidratação labial são o dexpantenol (substância utilizada em medicamentos para combater queimaduras e agressões na pele), manteiga de karitè ou de cacau, lanolina, ácido hialurônico, ômegas 3 e 6 e ceramidas”, aponta a especialista. É importante usar batons que contenham filtro solar, pois, como já mencionado, a ação dos raios UVA-UVB causa danos aos lábios, provocando ressecamento, rachaduras e propensão a doenças sérias. "Use hidratantes labiais antes de usar o protetor labial, ou dê preferência para protetores que contenham hidratantes", sugere o Dr. Anderson Bertolini, dermatologista e diretor médico da clínica Bertolini (SP). E lembre-se: "Reaplique o protetor labial após beijo ou refeições, pois estes retiram o FPS dos lábios, deixando-os desprotegidos e vulneráveis ao sol", completa o especialista.

Os alimentos também tem influência na saúde labial: “Alimentos cítricos e ácidos irritam e pioram a secura da região. Evite frutas cítricas e alimentos ácidos como tomate”, ensina a Dra. Luciana. Outra dica da expert é evitar passar a língua constantemente sobre os lábios, pois a saliva é ácida e tem ação irritativa no mesmo quando em contato prolongado. Além disso, o ato de molhá-los com saliva acaba o ressecando ainda mais. E claro, abuse da água e alimentação equilibrada! “Hidratar bem o corpo contribui muito para manter a pele e os lábios hidratados. As vitaminas A e E são fundamentais para a saúde da pele e dos lábios”, informa.

O Dr. Anderson acrescenta que é importante evitar a exposição ao sol entre as 10h e 14h, pois neste período o índice de radiação UVA-UVB é maior. "O uso do chapéu ou boné quando estiver exposta ao sol é essencial para evitar a radiação solar", afirma.

Para quem não se cuidou, abusou do sol e queimou muito os lábios, a Dra. Luciana recomenda o uso de cremes hidratantes após o banho, principalmente os à base de aloe vera (proveniente da babosa) ou bisabolol (que vem da camomila). Outras sugestões para aliviar os sintomas da queimadura são o uso de águas termais vendidas em farmácias, compressas frias em períodos curtos de tempo (de 10 em 10 minutos, depois de meia em meia hora), aplicação de pomadas à base de dexpantenol (além de hidratar, também cicatriza), banho com água corrente fria para remover totalmente o sal da água do mar (quando não retirada completamente, irrita ainda mais a pele) e o consumo de água, que hidrata o corpo e ajuda na cicatrização de feridas e queimaduras

Fonte: Corpo a Corpo

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Aprenda a fazer um make de festa glamouroso

Que atire a primeira pedra quem não adora uma badalação. Mas, muitasvezes, uma festa glamourosa pode virar um tormento... Afinal, qual é o tipo de maquiagem ideal para um evento mais chique? A estudante Michelle Rossi, 21 anos, não sabe como produzir um look sofisticado para um baile de gala. Para Roosevelt Vanini, maquiador do C. Kamura, o caminho não é nada difícil: “Quando imaginamos um make para festa, pensamos no elegante, no exuberante. Então, a minha dica é investir no olho, na boca e no blush, mas mantendo equilíbrio e harmonia, sem dramatizar demais. Uma tendência bacana é criar nuances e sombreados com uma única cor de sombra”, adianta o expert.
“Como a ideia é criar um look atual, procure compor o olho com uma boca harmônica. O batom rosa com textura mate é tendência e combina com o vinho dos olhos”, ensina Roosevelt.

1 - Michelle Rossi antes do make.

2 - Escolha uma sombra vinho e espalhe-a por toda a pálpebra móvel. Com um pincel macio, esfume da linha do côncavo em direção à sobrancelha, criando um dégradé.

3 - Com um pincel fino e pequeno, esfume sombra dourada no canto interno do olho, na linha abaixo da sobrancelha e no centro da pálpebra, marcando pontos de luz.

4 - Marque bem as têmporas com um blush pêssego. Suavize a marcação em direção ao centro do rosto. Esfume também no queixo, no maxilar e na ponta do nariz.

5 - A estudante Michelle depois do make.

Fonte: UOL

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Cabelo cacheado: três opções de penteados de festa para manter os fios naturais

Imagem 1/21: A moda agora é assumir os cabelos naturais.Assim como na maquiagem, quanto menos produto ou exagero na produção, melhor para o visual. O ideal é aproveitar a textura do fio - seja ele crespo, cacheado ou ondulado - sem ter medo de errar no volume. "O cabelo enrolado ou crespo é maleável, versátil e fácil de ser trabalhado com grampos", lembra a cabeleireira Juliana Barbosa, do salão 9+9, de São Paulo. A profissional ensina o segredo de três looks rápidos, dois presos e um semi-preso, para fazer em casa: "Primeiro se trabalha a estrutura e o formato do estilo, depois, com grampos, a mulher modela de acordo com o efeito que mais gosta - fofo, mais justo, mais soltinho, irregular, certinho...". Confira

Imagem 2/21: Antes de iniciar o passo a passo, sobre os fios limpos e molhados, aplique um pouco de mousse (proporcional à quantidade de cabelos) e seque com difusor. "Outro truque é prender o cabelo, um pouco antes de fazer os penteados, em um coque bem apertado. Ele solta os cachos e libera a raiz, que ainda fica mais disciplinada", ensina a profissional

Imagem 3/21: Para produzir os três penteados, você vai precisar apenas de spray finalizador e grampos da mesma cor do cabelo. Presilhas e elásticos podem ajudar a compor o look final

Imagem 4/21: Semi-preso: Separe uma mecha larga na parte da frente da cabeça, na altura da franja. Com um ou dois grampos invisíveis, prenda a mecha central, de maneira que fique um leve volume no topo da cabeça. "Ele pode ser controlado, para mais ou menos, de acordo com a preferência de quem vai usar", explicaJuliana

Imagem 5/21: Separe uma pequena quantidade de cabelo da parte superior da orelha e puxe para trás. Com um ou dois grampos, prenda a mecha lateral sobre a mecha central, já presa. Na foto, a modelo prendeu primeiro o lado direito, faça o mesmo com uma mecha do lado esquerdo. Para facilitar, dê uma leve torcida na mecha antes de prender

Imagem 6/21: A partir desta etapa, o objetivo é domar, com grampos invisíveis, o volume de cabelo que se formou com as mechas sobrepostas. "Este penteado é curinga para as cacheadas, mas o volume que se forma costuma incomodar a maioria. O pulo do gato é ir prendendo", ensina a cabeleireira

Imagem 7/21: Os cabelos ficam controlados e com um volume natural, sem exagero. O segredo é esconder os grampos. Na parte da frente, aplique um spray finalizador para disciplinar os fios rebeldes

Imagem 8/21: Os fios ficam alinhados e com volume natural. As mechas torcidas dão um charme ao look

Imagem 9/21: O penteado é prático e destaca bastante o rosto, traz a impressão de que a mulher está bem arrumada a qualquer hora do dia. Na foto, a modelo usa uma tiara de paetês preta para compor o visual

Imagem 10/21: Coque lateral baixo: sofisticado, o penteado exige apenas que o cabelo tenha uma risca lateral para dar o acabamento

Imagem 11/21: Faça uma risca lateral com ajuda de um pente. Puxe os fios para o lado oposto, na direção do ombro

Imagem 12/21: Comece prendendo com grampos atrás, próximo à nuca, de maneira que todo o cabelo fique de lado

Imagem 13/21: Agora prenda a parte da frente, como se fosse formar um rabo-de-cavalo lateral, para dar sustentação à área do coque

Imagem 14/21: Vá prendendo o cabelo que está solto para formar um coque lateral irregular. Separe algumas mechas bem fininhas como se fosse "criar um ninho", isto é, sem muita regra, tomando o cuidado de deixar os grampos invisíveis. "O coque pode ficar baixo, mais cheio ou mais podrinho. O bacana desse tipo de penteado é deixar o resultado de acordo com o gosto da pessoa", explica Juliana

Imagem 15/21: Para finalizar, basta ir dando sustentação com os grampos onde sentir necessidade. "Na parte lateral o ideal é deixar um volume natural, mas se preferir fazer um rolinho ou uma banana fica bonito também", aconselha a profissional

Imagem 16/21: Coque grego: apesar de simples, o penteado é o mais elaborado dos três. É possível deixar uma mecha solta na frente ou prender os fios para trás

Imagem 17/21: Separe uma mecha da franja para ficar solta. Prenda os fios da lateral direita, sem deixar muito esticado ou fofo

Imagem 18/21: Faça o mesmo na outra lateral e junte boa parte do cabelo. Vá separando mechas irregulares e prenda com ajuda dos dedos, sem se preocupar com a quantidade de grampos porque eles não aparecem

Imagem 19/21: Prenda sem muito critério e sem medo de errar. "Quando sentir que a mecha que está sendo trabalhada ficou bem presa, pode partir para outra e fazer o mesmo", ensina Juliana Barbosa

Imagem 20/21: Se sentir necessidade de domar os fios e dar mais sustentação ao penteado, prenda os cabelos no sentido contrário, isto é, fixando os grampos de cima para baixo. Preste atenção na parte da frente e deixe solta a quantidade de cabelo que quiser. "Mais franja, menos franja; um lado preso outro solto, a mulher deve usar como preferir", sugere a cabeleireira

Imagem 21/21: Os cabelos domados com um ar de mistério, pois não é possível ver exatamente como foi preso. É possível ainda finalizar com um acessório de sua preferência.

Fonte: UOL